2º Domingo de Agosto - Dia dos Pais


02/08/2021 - 20:32

Ser pai não é apenas gerar vidas. Ser pai é muito mais, é estar ali, presente, marcando todos os momentos e contribuindo para a alegria da família.

Ser pai é participar, regando com carinho, amor e atenção, o fruto novo que necessita de cuidados para que possa se desenvolver e crescer saudável.

Ser pai é acompanhar todos os passos do filho, oferecendo, além de carinho e amor, segurança, bem-estar, educação e lazer.

Ser pai é conduzir o filho pelas veredas da vida, apontando o que é bom e o que é ruim. Ensinando que a vida é tão boa de se viver, e que cabe a nós dar rumo certo a ela.

Ser pai é promover o ensinamento e a educação da fé, mostrando a bondade e o amor de Deus para com a humanidade e que podemos e devemos imita-lo, sendo seus seguidores e promotores da paz.

Ser pai é ser amigo, companheiro, compreensivo e confidente, é saber escutar com o coração aberto. É estender a mão, não só na alegria, mas, principalmente nas adversidades.

Ser pai é carregar o filho no colo, brincar, correr, pular. É encher de alegria o pequenino ser. É também corrigir, sem, contudo, ofender a integridade física, fazendo com que o filho aprenda a ter respeito e não medo.

Ser pai é amar de corpo e alma, assim como Deus ama a cada um de nós, seus filhos.

Ser pai é enxergar no sorriso do filho, uma bênção de Deus e a alegria da vida. Ser pai é saber, juntamente com o filho, pintar a vida com as cores da felicidade.

Ser pai é entender a criação como obra-prima de Deus e um presente Dele para conosco.



Ultimas Matérias
Papa Francisco adverte sobre o perigo da surdez do coração
100 anos da Legião de Maria no mundo
Presidente da CNBB emite nota sobre o Dia da Pátria
Mês da Bíblia refletirá sobre a Carta aos Gálatas
10 anos de falecimento do Padre Edemur
Veja Mais