A tarefa do Espírito Santo é ajudar a humanidade, afirma Francisco


26/05/2019 - 19:42
Durante o Regina Coeli, o Santo Padre falou da importância da presença do Espírito Santo na vida da Igreja e dos fieis

Na manhã deste domingo, 26, o Papa Francisco se inspirou no evangelho de São João para dar início a mais um Regina Coeli. O Santo Padre citou um trecho do evangelho em que Jesus fala aos apóstolos durante a Última Ceia.

“Ele fala da obra do Espírito Santo e faz uma promessa”, explica o Pontífice. “Enquanto se aproxima o momento da cruz, Jesus tranquiliza os apóstolos, pois não ficarão sozinhos. Com eles estará sempre o Espírito Santo defensor, que os apoiará na missão de levar o Evangelho a todo o mundo”, reiterou.

Esta missão do Espírito Santo consiste em recordar os discípulos de Jesus de tudo Ele os ensinou. “Durante a sua vida terrena, Jesus transmitiu tudo o que queria confiar aos apóstolos, cumpriu a revelação divina, isto é, tudo aquilo que o Pai queria dizer à humanidade. A tarefa do Espírito Santo é a de recordar, a de fazer compreender em plenitude e induzir a realizar os ensinamentos de Jesus. E bem esta é a missão da Igreja”, exaltou Francisco.

E, segundo o Sucessor de Pedro, a Igreja precisa se livrar dos laços mundanos para que possa levar a Palavra de Deus a todos aqueles que dela necessitam. “É por meio da Igreja que brilha o rosto autêntico, belo e luminoso desejado por Cristo. O Senhor hoje nos convida a abrir o coração ao dom do Espírito Santo”, disse. 
Ao final de sua tradicional Oração Mariana, o Papa Francisco saudou os fiéis que se aglomeravam junto à Praça São Pedro a fim de ouví-lo. Acenou, inclusive, aos jovens crismandos de Gênova



Ultimas Matérias
Os tesouros da Igreja
O Papa: devemos combater o desperdício, ninguém está excluído
Papa Francisco almoça com os pobres
Presidência da CNBB emite nota sobre o vazamento de óleo no litoral Nordestino
Papa na Catequese: abrir o coração e se deixar tocar pelo Espírito Santo
Veja Mais